Pular para o conteúdo principal

Anúncios

Macaé busca melhorar pontos fracos visando o returno do Carioca

O ano de 2020 tem sido marcado por altos e baixos para o Macaé Esporte. A classificação na Seletiva para a fase principal veio nos minutos finais da última rodada. Já na Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, o rendimento também não foi o esperado: quatro derrotas, um empate e apenas uma vitória. A equipe ainda sofreu com a troca de comando há pouco tempo.

No último sábado (8), a equipe acabou sendo derrotada por 1 a 0 pelo Bangu na última rodada da Taça Guanabara. O jogo aconteceu no Estádio Moça Bonita, na capital fluminense.

Sem chances de classificação para as semifinais, as duas equipes entraram em campo buscando os três pontos para se manter longe da zona de rebaixamento. O gol da equipe carioca foi marcado por Juliano aos 25 minutos do primeiro tempo. Após um cruzamento de Lobão, o volante se antecipou diante do zagueiro do Macaé e chutou com força sem chances de defesa do goleiro Jonathan.

Em entrevista, o arqueiro fez uma análise sobre o desempenho da equipe nessa temporada. Para ele, erros cometidos pela equipe têm prejudicado nas finalizações.

“Estamos um pouco afobados nas tomadas de decisão. Conseguimos chegar perto do gol adversário, mas por causa da pressão, acabamos nos precipitando um pouco e erramos. Tivemos algumas oportunidades contra o Bangu, mas não conseguimos converter”, relembra.

Com o fim da Taça Guanabara, o Macaé só volta a jogar no dia 29 de fevereiro ou 1o de março, diante do Volta Redonda, fora de casa.

Nesse período de quase três semanas, o Leão vai trabalhar para melhorar essas falhas e voltar mais focado e tranquilo na competição.

“Temos alguns dias agora para trabalhar e vamos buscar sair da situação em que nos encontramos. Serão dias importantes para termos um encaixe melhor no estilo do professor. Pela situação em que nos encontramos, sabemos que entraremos pressionados no segundo turno”, concluiu o Jonathan.

Comentários