Pular para o conteúdo principal

Anúncios

Bolsonaro defende volta de jogos de futebol, mesmo sem público

Bolsonaro compareceu em junho do ano passado ao jogo entre CSA e Flamengo no estádio Mané Garrincha Foto: Jorge William / Agência O Globo
O presidente Jair Bolsonaro sinalizou neste sábado apoio para que partidas de futebol voltem a ser disputadas, ainda que com estádios vazios. Segundo Bolsonaro, clubes de menor porte podem ir à falência se a medida não for tomada.

— Tem time aí que já praticamente vai decretar falência. Times de segunda divisão, com toda certeza. Times que estão disputando as divisões dos seus respectivos estados. Times grandes, que têm folha de pagamento milionárias. Se não me engano, Flamengo é de R$ 15 milhões, Palmeiras também — disse o presidente, em transmissão ao vivo durante manifestação no Palácio do Planalto.

Segundo ele, a decisão não pode ser tomada pelo governo federal. No entanto, defendeu que os sindicatos de jogadores sejam ouvidos para avaliar a possibilidade de que os jogos, suspensos por causa da pandemia de coronavírus, voltem a ser disputados.

— Como vai manter o time sem que se gere imagem? Estádio, a princípio fechado, mas como vai gerar receita para manter essa folha de pagamento? — disse Bolsonaro. — Não sou eu que vou decidir isso daí. Você o que acha? Pode voltar os jogos de futebol com estádio vazio ou não? Tem que ouvir os sindicatos dos jogadores para ver o que eles acham disso.

Fonte: O Globo

Comentários