Pular para o conteúdo principal

Anúncios

Flamengo cogita Gávea como opção para reduzir custos e finalizar Carioca com portões fechados

Diretoria do Flamengo analisa chance de jogos na Gávea sem público ...
O Flamengo pensa na retomada da temporada em meio à pandemia do coronavírus e tenta se ajustar às consequências dela. O clube, claro, depende de um aval das autoridades governamentais para reiniciar os treinamentos no Ninho do Urubu e até mesmo elabora um protocolo para realizar as atividades.

Além disso, uma possibilidade da diretoria diante do atual cenário é mandar jogos do Campeonato Carioca na Gávea. É uma ideia, ainda, embrionária. A informação foi revelada primeiro por Benjamin Back, no UOL.

Dessa maneira, o clube daria sequência no andamento do calendário, permitindo que as outras competições ocorram como planejadas inicialmente. De quebra, pouparia os cofres da Gávea dos custos de disputar uma partida no Maracanã.

A solução seria em um eventual retorno do Carioca com disputa de partidas com portões fechados. Dependeria não apenas do aval das autoridades, mas também da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

Há exigências a cumprir e adaptações a realizar diante do cenário de pandemia, como o isolamento da área do campo de jogo do restante da sede social e questões de como estrutura para transmissão da partida.

O Estádio José Bastos Padilha possui uma arquibancada com capacidade para cerca de cinco mil pessoas e, em 2019, recebeu a estreia não oficial de Jorge Jesus no comando do Flamengo, num jogo-treino contra o Madureira. O acesso foi restrito. Recentemente, o gramado passou por uma reforma e está em boas condições.

Flamengo elabora protocolo para volta aos treinos; testes de Covid-19 vão ser feitos em quem acessar o Ninho do Urubu

Um ganhou tudo, outro fracassou, mas, cara a cara, qual Flamengo era melhor entre times de 2000 e 2019? Escale!

Em 2014, o mesmo campo e vestiários passaram por uma reforma para receber a seleção da Holanda na Copa do Mundo do Brasil. Robben, Sneijder e companhia treinaram no local e alguns equipamentos da academia foram deixados como legado no clube.

Neste ano, o Flamengo já teve uma experiência de mandar um jogo no Maracanã com portões fechados devido à pandemia do coronavírus. O duelo contra a Portuguesa, em 14 de março, teve prejuízo de R$ 285 mil. Os maiores custos foram dos quesitos "Aluguel do estádio" (R$ 60 mil), "Contas de Consumo" (R$ 50 mil) e "Despesa operacional do estádio" (R$ 99 mil).

Há um entendimento interno que, além da Gávea, São Januário, Maracanã, Nilton Santos e Laranjeiras poderiam ser opções para finalizar a competição. Um pedido deve ser feito de forma oficial para que a Ferj analise o caso. Até o momento não foi feito. Representantes de clubes e federação têm uma reunião por videoconferência agendada para esta sexta-feira, às 16h (de Brasília).

O Flamengo lidera o grupo A da Taça Rio e tem mais duas rodadas a cumprir na fase de grupos, contra Bangu e Boavista. Pela frente ainda teria uma provável semifinal e uma possível final de turno.

Além disso, atualmente é o segundo colocado na classificação geral, atrás do Fluminense, e por isso teria de participar de uma decisão ainda que vença os dois turnos. O último jogo oficial disputado na Gávea há quase 23 anos: em 27 de abril de 1997, o Flamengo venceu o Americano pelo Campeonato Carioca por 3 a 0, gols de Fábio Baiano, Evandro e Romário.

Fonte: ESPN

Comentários