Pular para o conteúdo principal

Anúncios

Do grid ao pódio, coronavírus deve causas mudanças em GPs de Fórmula 1

Ideia da categoria, pelo menos para 2020, é esvaziar o grid de largada, retirando convidados e jornalistas - Mark Thompson/Getty Images
O calendário não será a única mudança pela qual passará a Fórmula 1 em 2020. Diante da pandemia do novo coronavírus, a categoria admite mudar boa parte do protocolo de cada Grande Prêmio, desde o grid de largada até a cerimônia do pódio.

Diretor esportivo da F-1, Ross Brawn descreveu hoje algumas das mudanças ao site oficial da categoria. Nos grids, que tradicionalmente são repletos de mecânicos, jornalistas e convidados antes da largada, a ideia é esvaziar. A tendência é que fiquem pilotos e um número reduzido de profissionais das equipes.

"Devido à implementação de procedimentos, precisamos estar seguros e protegidos da situação da covid-19", argumenta Brawn. "Os hábitos que tivemos no passado simplesmente não podem ser feitos. O grid abarrotado, que era uma característica das corridas de Fórmula 1, simplesmente não pode acontecer."

Outras etapas do cerimonial pré-corrida serão alterados. A execução dos hinos nacionais de cada etapa, por exemplo, não deve mais reunir os pilotos e outros presentes. E o tradicional desfile dos competidores, feito em caminhões ou em carros clássicos, também foi descartado.

"O desfile dos pilotos não acontecerá, pois não podemos colocar 20 pilotos sobre um caminhão e dar a volta na pista; portanto, entrevistaremos cada um deles em frente aos boxes", anunciou Brawn. Segundo ele, "há várias maneiras de nos envolvermos sem comprometer a saúde e a segurança".

Sem pódio?
As cerimônias de premiações de pilotos e equipes após cada Grande Prêmio também devem ser mudadas. Ainda não há um protocolo oficial, mas a categoria quer evitar a aglomeração de autoridades, pilotos, chefes de equipe e grid girls no pódio, bem como de funcionários das equipes e imprensa abaixo.

"O cerimonial do pódio não pode acontecer (como acontece agora), mas estamos pensando em fazer algo no grid após a corrida", explicou Brawn. "Uma opção seria alinhar os carros na pista, e os pilotos ficarão na frente dos carros."

"Não podemos apresentar os troféus, pois você não pode ter ninguém por perto apresentando um troféu, mas nós temos trabalhado, temos planos e procedimentos, estamos vendo como podemos apresentá-lo na TV", acrescentou.

Diante das mudanças, Ross Brawn tranquiliza os fãs da categoria e afirma: as novidades são decorrentes da pandemia do novo coronavírus, e podem ser descartadas assim que as condições de saúde forem mais favoráveis, devolvendo as características tradicionais das etapas.

"Esta é a nova norma. Quanto tempo isso vai continuar? Não sabemos, mas essa será a nova norma para o resto do ano, com certeza", acrescentou.

Comentários